1 nov

Manual do comprimento mídi: dicas para você usar e abusar!

Se tem um comprimento que está super em alta, tanto nas saias como nos vestidos, é o mídi! Mas muitas mulheres têm dúvidas de como utilizar estes modelos no dia a dia. Foi pensando nisso que criei este manual do comprimento mídi para você usar e abusar dessa tendência!

A história do comprimento mídi

Como tudo na moda, este comprimento carrega uma história. Ele surgiu durante a Primeira Guerra Mundial por uma necessidade. Com os homens na guerra, as mulheres tiveram que trabalhar e os vestidos longos e pesados não combinavam com esta nova rotina. Foi aí que os comprimentos precisaram ser encurtados.

Coco Chanel foi uma das grandes adeptas do mídi na época. Mas com o passar do tempo, os longos voltaram e foi apenas nos anos 50 que ocorreu um resgate do mídi com o New Look da Dior.

Desde 2011 vemos o mídi ensaiando um retorno e desfilando pelas ruas. Agora, o comprimento aparece repaginado e em caimentos variados. Com um ar mais jovem e moderno, o comprimento mídi pode ir do trabalho ao final de semana tranquilamente.

Nem curto nem comprido

O que causa estranheza na maioria das mulheres que ainda não são adeptas ao mídi é porque ele não é nem curto e nem longo. O mídi verdadeiro é aquele que fica na altura da panturrilha, um pouco acima da canela. É possível ainda encontrar modelos um pouco mais curtos. Mas o comprimento mídi é sempre abaixo do joelho!

O problema do mídi para algumas mulheres é que elas acreditam que ele possa achatar a silhueta. Outras ainda acham que o mídi pode envelhecer a aparência. Mas sabendo usar, ele tem o poder de te deixar instantaneamente elegante e com muito estilo!

Manual do comprimento mídi

Para você poder usar e abusar sem medo dessa tendência (que é na verdade um clássico), algumas dicas são muito importantes. Confira:

  • Como fugir do ar envelhecido?

O truque para tirar o comprimento mídi do óbvio e fugir da aparência envelhecida está nos pés. Aposte em calçados não convencionais para dar um ar moderno ao look. Os tênis esportivos, as ankle boots e as flatforms são ótimas opções! 

  • Como alongar a silhueta?

Para as mulheres que acreditam que o mídi achata o corpo, a dica é apostar nos looks monocromáticos. Use peças na mesma tonalidade para a composição ganhar uma linearidade e alongar a silhueta. Usar um sapato nude ou que deixa o pé bem exposto (como aquelas sandálias com tiras bem fininhas) também ajuda nessa função!

  • Marque a cintura!

Vai utilizar um vestido mídi? Prefira os modelos acinturados. Já para as saias, escolha peças que são de cintura alta. Caso o caimento não esteja favorecendo ainda, marque a cintura com um cinto fino. Isso também ajuda a não achatar a silhueta.

  • Com o que combinar sua saia mídi?

Quando você for combinar sua saia mídi, aposte em peças que contrastem com o modelo escolhido. Por exemplo: uma saia mídi plissada com uma t-shirt. Isso deixa o look ainda mais moderno! Usar uma camisa com um nozinho ou um cropped também funcionam nesse sentido. O body é outra opção para quem quer um visual moderno.

  • Aposte nas sobreposições!

Para as mulheres que gostam de brincar com as combinações, uma ótima dica é investir nas sobreposições. Use uma t-shirt por baixo de um vestido mídi de alcinha ou amarre uma camisa na cintura.

 Ainda tem dúvidas de como usar o comprimento mídi? Fale com a Pri!